Inscreva-se no Feed do Pensar Eco e receba os posts por email!

www.pensareco.com

terça-feira, 30 de junho de 2015

Conheça o Projeto Pure Life, um dos finalistas do Design Lab


Novas tecnologias aliadas ao futuro do planeta

Pensado em criar um elo entre as crianças e a natureza de uma maneira simples, foi criado o Pure Life, um projeto baseado em um vaso de plantas inteligente com um purificador de ar.

Por meio de um aplicativo os pequenos têm acesso a uma série dicas de como cuidar das plantinhas.

Conforme a planta que está no Pure Life vai crescendo, o aparelho analisa o seu estado de saúde, e transmite essa informação para um purificador de ar localizado em sua base. 

A ideia é quanto melhor a vitalidade da planta, maior a eficiência do purificar de ar

Toda dinâmica do Pure Life é controlada pelo aplicativo, que poder ser considerado pelas crianças como um ‘jogo’. Quanto  mais a criança  cuidar da planta, melhor sua vitalidade, e a recompensa é uma quantidade maior de ar purificado para sua casa e sua família.

O Pure Air faz parte dos 35 projetos finalistas do Design Lab, desafio promovido pela Electrolux para buscar inovações que podem impactar diretamente o nosso futuro.


Acompanhe mais informações pelo site e pelas redes sociais da Electrolux.

Fonte: Burson - Marsteller

01/07: Debate prepara jovens para influenciar definição da Meta brasileira na COP 21


A Conferência do Clima (COP 21) em dezembro é decisiva para o futuro das gerações mais jovens. Para ajudá-los a entender e influenciar o processo de negociação do novo acordo climático, será realizado em São Paulo na quarta-feira, 1° de Julho, o ciclo de debates Entrando no Clima, uma iniciativa do Ipam – Instituto de Pesquisas da Amazônia e da organização de jovens Engajamundo.

O atual estágio dos estudos sobre o tema será apresentado pelo Observatório do Clima, que também apoia o projeto. Já confirmaram presença, representantes do Ministério do Meio Ambiente e do Ministério das Relações Exteriores, (responsáveis pela negociação em nome do Brasil), além de executivos de grandes empresas e cientistas. Em debate, as propostas que devem integrar a definição da meta brasileira para o acordo de Paris em dezembro, exemplos do que já se faz para reduzir os efe
itos das mudanças climáticas e a mobilização da juventude. [Veja o programa abaixo].

Engajamundo é uma organização de jovens brasileira que há dois anos participa das negociações globais. Eleita para falar em nome das ONGs representativas da juventude de todo o mundo, a coordenadora Raquel Rosenberg encerrou a recente rodada diplomática em Bonn com um pronunciamento contundente, alertando para o risco que significa o atual estágio das negociações, sem a ambição necessária para reduzir o impacto do aquecimento global na qualidade de vida das futuras gerações. Veja o pronunciamento aqui.

Entrando no Clima é um projeto do Ipam – Instituto de Pesquisas da Amazônia, selecionado pela Plataforma Climática Latinoamericana para integrar o programa da CDKN - Climate and Development Knowledge Network. 

A execução é de responsabilidade do Engajamundo, com apoio do Observatório do Clima, SPVS – Sociedade de Pesquisa da Vida Selvagem, Envolverde e Report Sustentabilidade.

 Algumas questões que serão base de reflexão e debate são:

 Como influenciar a definição da meta brasileira para o novo acordo climático?
 O diálogo do governo federal com a sociedade é suficiente para a definição da meta nacional que será encaminhada para o novo acordo do clima?
 Como os jovens esperam ser ouvidos pelas autoridades globais na COP21?

Serviço:
Data: 1º de Julho de 2015          
Horário: 9h às 17h
Local: Auditório da Fundação Getúlio Vargas (FGV) – Av. 9 de Julho, 2029 – São Paulo

Credenciamento
Envie um email para: entrandonoclima2015@gmail.com com o seu nome completo e RG

PROGRAMAÇÃO
Entrando no Clima - 1a Roda de Debates - 01/07/2015 – FGV-SP
9:00       Apresentação do projeto Entrando no Clima e dinâmica do dia
Raquel Rosenberg, coordenadora do Engajamundo
                              
1o Painel – Mudanças climáticas no mundo urbanizado
9:15 – Como as mudanças climáticas impactam a saúde na Região Metropolitana de São Paulo
Paulo Saldiva, médico sanitarista. Universidade de São Paulo
9:35 – Como as decisões internacionais são implementadas localmente?
Rafael Agostinho - Prefeito de Bauru
9: 55 – Debate com o público. Mediação: Engajamundo

2º Painel – As atividades das ONGs, das empresas e do governo
10:15  IPAM – O papel da sociedade civil e a produção científica: iniciativas que promovem preservação florestal e equilíbrio climático
                Fernanda Bortolotto – Pesquisadora do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia
10:36  - MMA – A legislação brasileira, a fiscalização e a redução das emissões
                Adriano Santhiago – diretor do Depto. Mudanças Climáticas do Ministério do Meio Ambiente

10:55 – Empresas – Inovação como instrumento para uma economia de baixo carbono
                Vanessa Callau – Consultora com especialização em gestão de sustentabilidade e mudanças       climáticas globais na Harvard University
11:15 -  Debate com o público. Mediação: Engajamundo

3º Painel - As conclusões da ciência e a definição da meta brasileira para a COP21
12:00 – OC – O potencial do Brasil para contribuir com uma meta global ambiciosa
                Carlos Rittl – secretário executivo do Observatório do Clima
12:20 – MRE – O que está em consideração para construção da INDC?
Guilherme do Prado Lima – Divisão de Clima do Ministério das Relações Exteriores
12:40  – Debate com o público. Mediação: Engajamundo

13:10 –Intervalo para Almoço

Tarde
4º Painel – E os jovens, o que têm a ver com isso?

14:30 – CAN – A importância da mobilização da juventude global
                Henrique Murtua Konstantinidis – coordenador da Climate Action Network
14: 45 – Como os jovens brasileiros estão acompanhando as discussões e engajando-se com o tema?
                Apresentação: Engajamundo
15:00 – Estratégias de mobilização nas Mídias Sociais
Apresentação: Yeken Serri – especialista em ativação de Redes
15:15 – Debates

17:00 Encerramento

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Jovens talentos criam inovações verdes e recebem Prêmio no 13o Bench Day -02/07



Jovens talentos criam aplicativos para controle da água e outras inovações verdes e recebem Prêmio dia 2 de julho


Os projetos foram reconhecidos pelo Programa Bechmarking Brasil que contou com jurados do Google e Intel


Evento gratuito e aberto ao público na Avenida Paulista no dia 2 de julho entre 9h e 22h 


Que muitas empresas adotam processos verdes você já deve saber. Mas, que elas compartilham o modos operandi com a sociedade em evento anual e até mesmo em livro é novidade, certo?

E que jovens desenvolveram aplicativos para controle de consumo da água potável, você sabia?

Esses e outros projetos de sustentabilidade serão apresentados e premiados durante o
13º Bench Day, dia 2 de julho entre 9h e 18h30, em São Paulo.


Serão atividades simultâneas, gratuitas e abertas ao público durante o dia inteiro. As
pessoas poderão conferir uma exposição de arte sustentável; seminário com 28 empresas como Sabesp, Casa da Moeda, Avon, Aurora Alimentos; os aplicativos para celular que controlam o consumo de água e happy hour com stand up comedy.

A partir das 19h, haverá a solenidade de premiação das empresas e estudantes por suas 45 inovações verdes e exemplos de boas práticas socioambientais com presença de nomes consagrados da sustentabilidade como:

José Goldemberg (Presidente do Conselho de Sustentabilidade da Fecomercio), Mário Mantovani (SOS Mata Atlântica), Denner Giovanini (Rede Nacional de Combate aoTráfico de Animais Silvestres), entre outros.


O encontro anual faz parte do Programa Benchmarking Brasil que, desde 2003, vem
unindo pessoas de todas idades e diferentes setores na discussão pela sustentabilidade
no País.
 

O objetivo é divulgar Exemplos que educam e Práticas que transformam. Ao todo, o Programa já reconheceu 339 casos de boas práticas de sustentabilidade, 36 projetos de inovações verdes, além das obras artísticas e homenagens a pessoas que fazem a diferença nessa área.


A grande novidade deste ano é a inclusão do público jovem nesse grande movimento de valorização das boas práticas sustentáveis junto a sociedade. O Hackathon Mais da Sustentabilidade incentiva e reconhece o talento de jovens designers e programadores que com seus aplicativos ajudam a construir uma nova consciência e cultura em relação aos desafios socioambientais de nossa época. Em parceria com cursos de TI (Tecnologia da Informação) das universidades Anhembi Morumbi e Uninove, a primeira edição do Hackathon MAIS selecionou cinco projetos de alunos que desenvolveram aplicativos de controle hídrico, dando suporte ao uso racional da água.


Este ano, foram selecionados 45 bons exemplos de empresas, jovens, além de artistas plásticos e artesãos, e personalidades engajadas que foram reconhecidos por suas práticas de sustentabilidade. Entre eles estão 11 iniciativas de Recursos Hídricos (25% do total). Ao final do dia, será apresentada a classificação (ranking) de todos estes bons exemplos que serão certificados como “Benchmarking em sustentabilidade” este ano. Também teremos o lançamento o terceiro volume do livro BenchMais com a presença de nomes consagrados da sustentabilidade como José Goldemberg, Mário Mantovani, Denner Giovanini, entre outros.

Mais jovens talentos nessa seara

Criado em 2012, o Benchmarking Junior já reconheceu e compartilhou mais de 36 projetos inovações verdes de jovens talentos brasileiros. Em parceria com as escolas técnicas profissionalizantes ETEC, SENAI e IFSP, o programa apresenta o Ranking dos melhores projetos de sustentabilidade de alunos do nível médio de cursos técnicos.

Este ano, durante o Bench Day serão conhecidos os cinco projetos selecionados que vão desde antibiótico natural de grama passando por flocantes no tratamento de água até um sistema elétrico para cadeira de rodas.


O evento é gratuito e aberto ao público e terá várias atividades simultâneas:
· exposição de obras de arte que expressam a luta pela preservação do meio ambiente;

· seminário com apresentação de 28 cases reais de sustentabilidade de várias áreas como gestão hídrica (11 deles). Entre as empresas estão SABESP, Avon, Ambev, Casa da Moeda e Aurora Alimentos.

· alunos universitários mostrando cinco aplicativos diferentes para celular que fazem o controle de consumo de água;
· happy hour com apresentação de Stand up Comedy com o tema sustentabilidade;

· Solenidade de premiação dos 28 cases de empresas e 10 projetos de estudantes entre universitários e cursos técnicos;

· Lançamento do terceiro volume do livro BenchMais, as melhores práticas da gestão socioambiental brasileira.

· Presença de grandes nomes da sustentabilidade no Brasil como José Goldemberg (Presidente do Conselho de Sustentabilidade da Fecomercio), Mário Mantovani (SOS Mata Atlântica), Denner Giovanini (Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres), entre outros.

· Presença dos jurados como Google e Intel.

· Coquetel de encerramento (21h30 às 22h)


Sobre o Programa Benchmarking Brasil
Em 12 edições já realizadas, o Programa Benchmarking Brasil se consolidou como um dos mais respeitados Selos de Sustentabilidade do país. Com uma metodologia estruturada, reconhecida pela ABNT, e participação de especialistas de vários países, o Ranking Benchmarking define e reconhece os detentores das melhores práticas de sustentabilidade do Brasil. O programa, além do Ranking congrega outras ações de fomento a sustentabilidade como publicações, banco digital de livre acesso, encontros técnicos, feiras e congressos, entre outros. Além de incentivar a busca da melhoria contínua e a adoção das boas práticas nas organizações, o Programa Benchmarking Brasil contribuiu ao longo destes 12 anos de forma efetiva com a construção de massa crítica em sustentabilidade no país. Em 2013, Benchmarking Brasil foi o grande vencedor (1º colocado) na categoria Humanidades do Prêmio von Martius de Sustentabilidade da Câmara de Comércio Brasil
Alemanha.

Anote em sua agenda:

Bench Day, um dia pelo avanço da sustentabilidade no Brasil

Data: 2 de julho (quinta-feira)

Horário: das 9h às 18h30 (solenidade de certificação entre 19h e 21h30)

Local: Auditório do TRF 3ª região

Endereço: Av. Paulista, 1842 – 25º andar – Torre Sul

Imprensa: é necessário fazer credenciamento por esse email com nome, veículo, telefone e número do RG

Inscrições para o público no site: http://benchmarkingbrasil.com.br/fale-conosco/


Fonte: Assessora de Imprensa Voluntária Instituto Mais

Pensar Eco estará lá!! Compareça vc também!
Érica Sena