Inscreva-se no Feed do Pensar Eco e receba os posts por email!

www.pensareco.com

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Olha que criatividade!!!

Artista utiliza plástico para criar esculturas de seres marinhosplastico-capa.jpg As peças utilizam apenas embalagens de detergentes como matéria-prim

plastico-capa.jpg


As peças utilizam apenas embalagens de detergentes como matéria-prima/Fotos: Divulgação

O artista americano David Edgar trabalhou com esculturas de aço durante trinta anos. O plástico só apareceu em sua vida em 2004, quando ele utilizou garrafas de detergente para criar uma máscara que usaria em uma festa. Desde então, o material está presente em sua vida como matéria-prima de uma série de obras que retratam criaturas marinhas misteriosas e que alertam para o descaso com o meio ambiente.

Ele conta que a ideia de criar seres marinhos surgiu de mitos urbanos que sugeriam que um século de aumento dos níveis de fosfato no ambiente marinho teria causado o surgimento de novas formas de vida sintética. Assim, os animais seriam a representação desses novos seres, criados a partir da poluição causada pelo plástico.

plastico-2.jpg


As obras estão à venda e custam entre US$ 25,00 e US$ 1.250,00

São imagens de peixes, caranguejos, lagostas e águas-vivas feitas inteiramente de plástico extraído de embalagens de detergente encontradas no lixo. Edgar conta que recolhe seu material no coletor dos vizinhos durante seus passeios matinais e que não utiliza nenhum produto para alterar o plástico. “As cores não são o resultado de uma pintura da minha parte, são as cores do plástico da forma como eu o encontro”, diz.

plastico-4.jpgO corte é feito com tesouras bem afiadas e a moldagem é realizada através de um processo de aquecimento do material. O artista informa que utiliza um equipamento específico para moldar o plástico, mas que qualquer secador de cabelo é capaz de fazer o trabalho. Mas ele alerta, “sempre faça isso em uma área bem ventilada e nunca aqueça o plástico a ponto de incinerá-lo, pois isso irá liberar gases tóxicos”.

Essas e outras dicas e informações sobre a coleção estão reunidas no livro Fantastic Recycled Plastic (Fantástico Plástico Reciclado, em português), escrito pelo artista e por Robin A. Edgar e que será vendido pela internet em novembro deste ano. O livro já pode ser adquirido em Nova York e Londres e custa US$ 19,95.

As obras do artista também estão à venda. Elas custam entre US$ 25 e US$ 1.250, a depender do modelo e do tamanho. Os interessados podem entrar em contato com o artista pelo site ou e-mail (dallenedgar@gmail.com). Na web page também é possível ver fotos de outras peças da coleção.


Fonte: Blog Minas Ambiente...Muito bom Thiago!!!! bj

http://malmg.blogspot.com/2009/09/artista-utiliza-plastico-para-criar.html




Um comentário:

  1. Bacana a reportagem né Érica? Parabéns pelo blog tá lindo d+++!!!

    ResponderExcluir

Pensar Eco agradece sua visita!
Comente, sugira, critique, enfim, participe!!! Isso é muito importante!
Abs,
Érica Sena
Pensar Eco

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...